Tuesday, 1 May 2012

Clara de Menezes - O Regresso do Imigrante (1972)

Andei errante pela terra e pelo mar,
Passei invernos bravios, secas ardentes,
Também gozei prazeres inocentes,
Mas nada iguala ao meu paterno lar.

Por isso venho para mitigar
A saudade dos meus queridos entes,
Que fartos de chorar pelos ausentes,
Partiram para nunca mais voltar.

Como tudo isto que me cerca é querido!
Pela primeira vez dei o vagido
No meio desta alcova cheia de amor!

Em vão sufoco o convulsivo pranto;
Lembrando os pais e irmãos em cada canto,
Sinto estalar o meu peito de dor.

No comments:

Post a comment