Friday, 17 February 2012

Loximona Sardessai - Areia Branca (1965)

Areia branca… branca…
E perto as palmeiras
Colunas brancas, brancas
Encimadas de olas verdes
Ao sabor da brisa, balouçam ligeiras
E as sobe lesto o jovem rendeiro,
Despreocupado canta na copa sentado
E vê o mar verde-azul
Onde as brancas velas,
Quais ideias dum santo,
Avançam graciosas – serenas
E canta – canta
Forte e alegre
Dominando o céu, o mar e a terra
Areia branca… branca
E perto as palmeiras.

No comments:

Post a comment