Friday, 2 September 2011

RV Pandit - Para quê? (1969)

(Canção do agonizante)

O noivo tem a noiva
O corpo desposou a morte
Os festejos, o trabalho,
O amor, as formalidades
Para quê?

Nada mais é preciso
Nem luzes, nem ornamentos
Os dias de vida já passaram
Agora são as noites escuras
Foi se tudo nada resta
Onde persistem as relações?

Deixai-me dormir, bem dormido
Deixai-me tudo esquecer
Deixai-me no cemitério, na fria terra

Eu nada quero de vós
Nem isso, nem aquilo
Nem vossa memória
Nem os vossos lamentos

Não quero missas nem exéquias
Na vida tudo ganhei
Nada mais desejo
Não quero nem casa nem os bens
Nem os manjares deliciosos...

Nada desejo nessa hora
Nada, nada, nada...!

No comments:

Post a Comment

Post a Comment