Thursday, 9 June 2011

Cyrano Valles - Bilhete de Natal (1965)

Escuta!
No marulhar das ondas
Não ouves um coro celeste?
No chilrear dos passarinhos
Não ouves a voz de Jesus?
As flores e os campos doirados
Não te falam do Senhor?

Não pressentes a Divindade
No cilintar das longínquas estrelas?
E no humilde cardo
Não sentes palpitar o Eterno?

Natal! A Luz
Dissipa as trevas;
A Verdade triunfa sobre a mentira;
O Amor vence o ódio
Escuta! Um rumor divino
Se espraia pela noite estrelada;
É a voz do Deus menino –
A Voz da Eternidade –
Dizendo: “Paz aos homens de boa vontade”

No comments:

Post a comment